Ornitina – O Que É ? Quais Os Benefícios ? Como Tomar ?

A ornitina ou l-ornitina, é um aminoácido derivado da quebra de arginina durante o ciclo do ácido cítrico. Ela ajuda a criar músculos e reduzir a gordura do corpo, principalmente quando é combinada com arginina e carnitina.

Ela também é necessária para a formação de citrulina, prolina e ácido glutâmico, aminoácidos que ajudam a fornecer energia às células do corpo.

Benefícios da Ornitinaornitina quimica

  • Diminuição dos níveis de amônia

Em uma das ligações e conversões da ornitina, é necessária a presença de amônia, o que faz com que a ornitina ajude a reduzir as concentrações de amônia no sangue, além de aumentar a concentração de ureia, que é um subproduto dessa ligação. Assim, estudos estão sendo feitos sobre a importância da l-ornitina em condições caracterizadas por níveis excessivos de amônia. O foco está principalmente na encefalopatia hepática, uma condição de danos cerebrais causados por uma doença hepática, ou exercício cardiovascular prolongado.

A maioria dos estudos mostra uma redução de amônia em pacientes com encefalopatia hepática, e um estudo usando exercício prolongado, que pode causar o aumento dos níveis de amônia, descobriu um efeito contra fadiga.

Também notou-se redução de fadiga em pessoas com encefalopatia hepática e em pessoas que passaram por uma ressaca quando a ornitina foi tomada.

  • Ganho de músculos 

A maior parte dos suplementos para ganho de músculos contém uma mistura de ornitina e arginina. A ornitina é responsável por elevar os níveis do hormônio do crescimento (GH) e de insulina. O primeiro é um hormônio necessário para o crescimento muscular e que também ajuda a queimar gordura, enquanto o segundo é um hormônio anabólico, ou seja, ajuda no crescimento muscular.

A ornitina também ajuda a evitar a perda muscular que ocorre com o envelhecimento, já que o hormônio de crescimento acelera a produção de músculos e atrasa os efeitos do envelhecimento. Embora a arginina também possa ter o mesmo efeito da ornitina, estudos descobriram que a ornitina é duas vezes mais eficaz para aumentar os níveis de hormônio do crescimento.

Além disso, a ornitina também controla a eliminação de nitrogênio do corpo. Isso é importante para o crescimento muscular porque quando o corpo recebe mais nitrogênio do que elimina, o equilíbrio de nitrogênio é positivo e há crescimento muscular. Quando o corpo elimina mais nitrogênio do que recebe, ocorre perda muscular e, se o nitrogênio for retirado de órgãos vitais, condições sérias de saúde podem ocorrer.

  • Recuperação

Níveis saudáveis de ornitina no corpo ajudam na recuperação de traumas, queimaduras, infecções e até câncer. Em um estudo, foi observado que pacientes que tomavam de 10 a 30 gramas de uma forma de l-ornitina por dia curavam-se mais rápido, fazendo com que ficassem menos tempo no hospital. Isso porque ela ajuda a manter os tecidos e músculos do corpo. O mesmo efeito foi observado em pacientes que se recuperavam de cirurgias, infecções generalizadas, câncer e trauma.

  • Ansiedade

Um estudo com animais publicado em 2011 na Nutrition and Neuroscience descobriu que a ornitina reduziu comportamentos ansiosos nos animais, comparado ao grupo de controle. Embora os resultados sejam promissores, eles ainda precisam ser confirmados em estudos com humanos.

O melhor momento para tomar Ornitina é antes de ir para a cama com o estômago vazio em doses de 500 miligramas a 2 gramas. É uma boa ideia que a ornitina seja combinada com outros aminoácidos, como arginina, ou como uma adição em um shake de proteína.

Deixe uma resposta